Piauí inaugura maior parque de energia solar

Com quase um milhão de painéis fotovoltaicos instalados em 690 hectares, a usina tem capacidade para produzir 600 GWh de energia por ano. Com o apoio do Governo do Estado por meio de R$ 80 milhões em incentivos fiscais, em um total de quase R$ 1 bilhão investido. Em uma área equivalente a 700 campos de futebol, as placas fotovoltaicas de Nova Olinda possuem sistema de autoajuste informatizado, que acompanha a direção da radiação solar, captando assim mais energia.

A capacidade elétrica do parque solar pode abastecer 300 mil famílias. Toda a potência produzida no parque é transmitida de sua subestação própria para a subestação da Chesf em São João do Piauí, por onde é fornecida para o sistema nacional de distribuição elétrica. Nova Olinda evitou a emissão de 350 mil toneladas de CO2. Ainda foram plantadas 96 mil mudas de espécies nativas na área de instalação do parque.

Representando o Ministério de Minas e Energias, o secretário de Energia Elétrica, Fábio Alves, prevê um aumento significativo de 30% na produção de energia no país para os próximos anos. “Metade desse aumento será ocasionado pela produção renovável e 80% desses empreendimentos serão no Nordeste”, assegurou o representante da União.

<span style=”color: black;”>Veja a matéria completa clicando </span><a href=”https://www.ambienteenergia.com.br/index.php/2017/11/falta-de-chuva-torna-energia-solar-um-bom-investimento-brasil/33282“><span style=”color: blue;”>aqui …</span></a>

By | 2017-11-30T10:50:01+00:00 novembro 30th, 2017|Painel Solar|0 Comments

Leave A Comment